quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Farra de Elite a Equipe Estouro do RN











CONCURSO DA MARINHA COM VAGAS PARA O RN


O novo concurso público, com 2.200 vagas, foi aberto pela Marinha. A seleção admite candidatos com nível fundamental para as Escolas de aprendizes-marinheiros. As inscrições vão de 10 de fevereiro a 9 de março, pelo site www.ensino.mar.mil.brou www.ingressonamarinha.mar.mil.br. A taxa custa R$ 15. Do total de chances, 440 são para candidatos negros. 

Haverá provas objetivas em Brasília, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Ceará, Pará, Maranhão, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Amazonas. O concurso conta ainda com inspeção de saúde e teste de aptidão física. As datas ainda serão definidas. 

O curso tem início em 26 de janeiro de 2016 e dura 11 meses. Os alunos podem ser lotados uma das quatro escolas, situadas nas Cidades de Fortaleza/CE, Recife/PE, Vitória/ES e Florianópolis/SC. Eles recebem R$ 680 por mês durante as aulas, e, ao final do curso, serão promovidos a cabo, com salário de R$ 1.950. Após cinco anos neste posto, quem quiser subir para sargento deve fazer outro curso de habilitação, com duração de dois meses. Neste caso, a remuneração passa a ser de R$ 3.080.

Antes de ser estuprada e morta, menina ligou para família pedindo socorro

 http://cidadenewsitau.blogspot.com.br/A jovem Elainne Cassyane dos Santos, 13 anos, ligou para os familiares e pediu socorro antes de ser estuprada e assassinada na região de Apucarana, no interior do Paraná. O corpo da adolescente foi localizado no último domingo (08) e os detalhes de como ocorreu o crime foram divulgados nesta terça-feira (10) pela Polícia Civil.

Segundo a delegada-adjunta da 17ª Subdivisão Policial, Iane Cardoso do Nascimento, dois adolescentes foram apreendidos em Cambira suspeitos de envolvimento com o homicídio. A vítima teria sido abordada pelos rapazes em Cambira, quando retornava para casa, após visitar amigos em Apucarana.

Um dos menores de idade teria dado uma “gravata” na garota, quando ela estava embaixo de uma árvore, esperando a chuva passar. Em seguida, a dupla obrigou a jovem a ir a pé até uma plantação de soja. Antes de ser violentada e morta, no entanto, a garota ainda conseguiu ligar para a família com seu celular, pedindo socorro.

A adolescente, após ter sido estuprada, foi assassinada por asfixia mecânica (enforcamento) e teve o corpo jogado em um riacho nos fundos de uma fazenda. O laudo do Instituto Médico Legal (IML) aponta que a garota teve o intestino perfurado e que ela morreu 72 horas antes de o cadáver ser localizado.

"Inicialmente os infratores confessaram a participação no crime sem mostrar qualquer tipo de arrependimento, mas depois um deles voltou atrás e disse que um terceiro rapaz, já maior de idade, teria participado da situação", afirmou a delegada para o site TNOnline.

O telefone celular da vítima ainda não foi localizado. Segundo a polícia, as investigações relativas a esse caso ainda prosseguem, para apurar se uma terceira pessoa participou da violência sexual, consumada com requintes de crueldade, seguida de homicídio. 

"A impunidade, sem dúvida, favorece a ocorrência desse tipo de crime, que ao ser praticado por menores é classificado como ato infracional. No caso desses dois adolescentes apreendidos em Cambira, envolvidos em ato infracional de tamanha gravidade, o Judiciário deverá determinar medida sócio-educativa restritiva de liberdade durante apenas três anos, ou seja, a penalização é muito branda em relação à gravidade do ato praticado", avalia a delegada.

Iane lembra que um dos adolescentes, suspeitos de ter cometido o homicídio, chegou a ser apreendido em dezembro de 2014, após tentativa de estupro também registrado na Avenida Itália, em Cambira.

O corpo da adolescente assassinada foi sepultado ontem, em  Ivatuba, na região de Maringá.

Fonte: CGN via Cidade News

Exercício físico pode levar mulher a ter orgasmo

Que malhar libera endorfina e faz a pessoa se sentir bem a maioria já sabe. O que quase ninguém desconfiava é que exercícios físicos podem levar a mulher a ter orgasmos durante as atividades. Um levantamento feito por pesquisadores da Universidade de Indiana (EUA) com 370 mulheres mostrou que 33% já tiveram orgasmos durante os exercícios. As causas ainda são desconhecidas.


“Os exercícios mais associados ao coregasmo — como é chamado esse tipo de prazer — são os abdominais, spinning e levantamento de peso. Estes dados são importantes porque sugerem que o orgasmo não é necessariamente um evento sexual. E também podem nos ensinar mais sobre os processos corporais subjacentes às experiências de orgasmo da mulher”, disse a coordenadora do estudo, Debby Herbenick.

MÚSCULOS ESTRATÉGICOS

Segundo ela, o ‘coregasmo’ é associado aos exercícios que movimentam os músculos ‘core’ — 29 pares que incluem os oblíquos (interno e externo), abdômen, glúteos, lombar e assoalho pélvico.

Cerca de 20% das mulheres que experimentaram esse tipo de orgasmo disseram que não podiam controlar a sensação. Além disso, a maioria afirmou que não estava pensando em nada relacionado a sexualidade durante a experiência. “Os abdominais do tipo ‘cadeira do capitão’, cujo objetivo é levantar os joelhos repetidamente, em direção ao peito, são os que mais levaram ao orgasmo”, detalhou a coordenadora.

*O Dia

sábado, 7 de fevereiro de 2015

Os melhores óculos você encontra na DROGARIA NOVA OPÇÃO em Tenente Ananias RN


Isso mesmo, os melhores óculos pra você andar na moda você encontra na DROGARIA NOVA OPÇÃO.
Óculos de qualidade e bons preços, e com estilo e elegância para você ser mais um da moda.
Então não fique de fora, faça já uma visita e comprove. 

Organização: Alerrandra Silvestre 








sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

#Curiosidades : Porque se atira arroz aos noivos?


casamento é um momento de grande importância na vida de um casal. Desde o vestido da noiva, ao smoking do noivo, passando pela escolha das alianças, e pelo local para o copo-de-água, tudo é escolhido e preparado com grande rigor e antecedência, para que no grande dia esteja tudo pronto para brilhar e dar as boas-vindas à nova vida do casal.
Tal como todos os momentos marcantes, também o casamento é repleto de hábitos, tradições e superstições. Mas nestas alturas até os mais descrentes destas práticas, acabam por testemunhar e encorajar determinados costumes, porque na verdade, e como diz o ditado “mais vale prevenir do que remediar”.
O habitual lançar de arroz aos noivos é uma dessas práticas que por mais anos que passem, não deixa de fazer parte desta tradição cerimonial. Este ritual contém uma série de simbologias, significados e tradições, que remontam à China Antiga.

Atirar arroz aos noivos, casamento

A origem

Esta tradição tem mais de 4 mil anos de história e provém da China Antiga, onde o arroz é símbolo de prosperidade, felicidade e abundância. Na altura acreditava-se que o arroz atraía a felicidade, a sorte, a longevidade e a fertilidade, prometendo assim a reprodução de gerações vindouras.
Foi, então, com base nesta crença, que a prática começou a ganhar cada vez mais expressão, percorreu várias gerações, até chegar aos dias de hoje.

A lenda

Rege a lenda que um Mandarim (um alto funcionário público na China Antiga), para dar provas da sua fortuna, pediu que uma chuva de arroz fosse atirada sobre a sua filha após a cerimónia de casamento, uma vez que acreditava que este pedido demonstrava não só a sua riqueza, como também o seu amor de pai.
Desde essa altura, que o gesto se repete no final da cerimónia, acabando mesmo por se propagar por todo o mundo.

bolas-sabao-noivos-casar-casamento

Nos dias de hoje

Depois dos noivos darem provas de amor eterno, no tão sonhado “sim”, os convidados juntam-se à entrada da igreja para desejarem votos de felicidade e prosperidade. Apesar de este ritual ser uma prática comum, em alguns locais é necessário ter autorização da igreja para que tal acontecimento, já que o arroz é extremamente escorregadio e pode dar aso a acidentes entre os convidados.
Para não magoar os noivos é aconselhável lançar o arroz para cima, de forma a cair como se chuva se tratasse, e nunca na direção do rosto. É certo, que os convidados querem a melhor sorte para os noivos, mas não é preciso lançar quilos de arroz para que esse desejo se concretize. Umamão cheia (cerca de 150 gramas) é suficiente para dar um bonito efeito visual e permitir ao fotógrafo captar este momento.

Outras opções

Para evitar os acidentes, e porque nem sempre a tradição tem unanimidade e aceitação, os noivos têm optado pelo uso de bolinhas de sabão, pétalas de rosas, balões coloridos ou confettis porque, para além de não sujar, nem representar qualquer perigo, também dão umas bonitas fotografias.

TÁ CHEGANDO ! Carnaval de Alexandria -RN